sábado, 14 de janeiro de 2012

Sair de cena

Em alguns momentos na vida precisamos sair de cena. Faz bem. Seja para realinhar as ideias antigas, seja para buscar novas ideias. Em algumas datas esse realinhamento é quase coletivo, como numa virada de um ano para o outro. Ou numa noite de Natal, para aqueles que congregam da mesma crença. Então, por natureza, vivemos acostumados aos ciclos.

Sair de cena muitas vezes é importante para se enxergar uma situação com maior isenção. 

Sair de cena também é importante para compreender um pouco mais de nós mesmos e do outro.

A escrita, para mim, é uma extensão da minha vida. Eu sou fascinado pela palavra e pelos significados que ela adquire a medida que a manipulamos. Encaixa-se uma palavra aqui, outra ali e uma frase nasce, com toda sua magia e encanto. 

Por isso saí de cena, por um período, a palavra me fascinava tanto, que quase me perdi dentro dela. Hoje estou aqui. A palavra também. Que sejamos felizes...

Até o próximo fim de um ciclo...

É bom estar de volta... sempre é bom!

CARPE DIEM 

4 comentários:

Thiara da Silva disse...

Que possas ter encontrado tudo que desejou!

Bem-vindo de novo, querido :)

Biajoni disse...

isso aí, filhão!
:>)

Mayla Valere disse...

O blog tá aceso Samuel dá vontade de clarear as ideias como sempre.

Sun disse...

E voltou com tudo de melhor que sabe fazer!Bom retorno pq eu estava com saudades das suas palavras!bjsss

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...