sexta-feira, 7 de janeiro de 2011

Poema Circular



Acontecer
Fazer de conta mesmo
Que tudo conta
Que tudo basta
Que tudo passa
Que tudo vai
Que tudo chega
Chega tudo
Que vai tudo
Que passa tudo
Que basta tudo
Que conta tudo
Que mesmo conta
De fazer 
acontecer

CARPE DIEM

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...