terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Peça apenas o necessário!

Temos a mania de acumular coisas. Queremos sempre mais!
Alguma vez você já se sentiu como se o seu mundo não lhe bastasse?
E você se pega reclamando das pessoas, do trabalho, das coisas que possui, da cidade em que mora, da sua casa. De tudo!

Claro que nem todas as pessoas são assim. Algumas, mais elevadas, descobriram que sempre têm o suficiente para percorrerem sua jornada. Por isso elas são gratas! Elas agradecem até por terem aquelas pessoas difíceis no seu caminho. Sim! Agradecem! Afinal, elas são necessárias para seu desenvolvimento.

É fato que a grande maioria não está pronta para ser grata por aquele momento não tão bom. Por aquela dificuldade. Por aquela pessoa intransigente que o acompanha. Lamentar é mais fácil. Só que não resolve.

Por isso, eu resolvi fazer um pedido diferente de Ano Novo!

Desejo que cada um de nós, que cada um que ainda não atingiu este estágio de compreensão de sua trajetória aqui na Terra, que ainda não sabe ao certo qual é sua missão receba apenas o suficiente. Nada mais. Nada menos. Apenas o suficiente!

Que cada um de nós, seres em constante aprendizado recebamos o suficiente para entender que precisamos do outro. 

Que tenhamos amor suficiente para aqueles que nos rodeia.
Que sejamos pacientes o bastante para compreender aquela pessoa difícil.
Que possamos ter coragem suficiente para enfrentar nossos medos.
Que tenhamos humildade suficiente para pedir perdão.
Que consigamos amar a nós mesmos, para assim dar o suficiente pra mudar o mundo a nossa volta.

Desejo o suficiente pra que cada um entenda qual é a sua missão.
Desejo também desprendimento suficiente pra fazermos algo pensando no outro.
Desejo que tenha coragem o suficiente para fazer o necessário para que sua família permaneça feliz.

Certamente isso será o suficiente para que cada um de nós, sejamos felizes, o necessário para crescer!

Que tal, no próximo ano, perdermos a mania de querermos tudo para nós?

Desejos, sentimentos, emoções também são recursos (energias) universais e como aqueles que conhecemos também devemos evitar o desperdício. Sendo boa, receba e distribua em abundância. 
Porém jamais peça mais que merece ou que seja capaz de redistribuir.

Existem duas premissas básicas no movimento de energias no Universo:

1. Tudo que você recebe do Universo, deve voltar para o Universo. 
2. E tudo que você recebe é fruto do que você entrega ao Universo.

Ou seja, tudo começa e termina em você!

CARPE DIEM

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...