terça-feira, 7 de abril de 2009

Mudanças

"Sempre estamos sujeitos a mudanças; alguns mudam, outros sofrem com as mudanças" (autor desconhecido)

Outro dia, ouvi uma pessoa me dizer o seguinte: "Bem, esse é o meu jeito. Eu sempre fui assim."

Se fôssemos traduzí-la ao pé-da-letra, ficaria mais ou menos assim: "Olha, meu amigo, sou desse jeito, você me conhece bem e deveria aceitar essa minha maneira de ser. Não tenho a menor intenção de mudar. Adapte-se!"

Uma frase como essa nos leva a duas reflexões. Uma delas é a de que temos que aceitar as pessoas como elas são. E isso é ótimo. Seria muito que todos se aceitassem como verdadeiramente são. Eu lhe aceito. Você me aceita.

Outra reflexão que também fica é que a muitas vezes nos limitamos a ser como somos, por medo de não gostar de um novo EU. Preferimos esperar que todos se adaptem às nossas manias, jeito de ser e de se expressar a buscar uma melhoria profunda, que permitiria a cada um de nós, a conviver melhor com o outro. Mudar, para melhorar. Crescer para progredir.

Imaginem se a frase acima, que ouvi outro dia fosse, dito por uma lagarta? Ela me diria mais ou menos assim: "Eu sou lagarta, gosto de ser lagarta e você aí, que está me olhando, me aceite como lagarta."

Até aí tudo bem. Aceitariamos e nunca exigiriamos nada além disso, que ela nos mostrasse como lagarta mesmo. rastejando entre as folhas, com sua aparência estranha, escondendo-se pelos cantos.

Agora imagine que entre essas tantas lagartas, uma delas nos disesse o seguinte: "Olha eu sou lagarta sim, e sei que algumas vezes não agrado tanto, não conquisto tanto, e se eu tentasse melhorar em alguns aspectos e me permitisse mudar para melhor, você estaria do meu lado, mesmo que essa mudança nào desse tão certo?"

E você combinaria com sua lagarta ousada a apoiá-la na mudança e descobria depois de algum tempo que ela não só melhorou. Ela se transformou numa linda e colorida borboleta. Agora, ela não rasteja mais, ela voa! Ela agora não causa tanto asco e sim encanto!

Assim somos todos nós. Escondemos lindas borboletas dentro de nós por medo de enfrentar algumas mudanças. Querem alguns exemplos de belas borboletas escondidas?

Pessoas encantadoras escondidas dentro de pessoas tímidas; Pessoas amáveis escondidas dentro de pessoas caladas e introspectas; Pessoas inteligentes, escondidas dentro de pessoas silenciosas e alheias; Pessoas ágeis escondidas dentro de pessoas desligadas; Pessoas corajosas escondidas dentro de pessoas covardes; Pessoas verdadeiras escondidas dentro de pessoas omssas; Pessoas intrigantes escondidas dentro de pessoas "sem graça"; Pessoas apaixonantes escondidas dentro de pessoas desajeitadas; Pessoas incríveis escondidas dentro de pessoas comuns.

Agora me responda aí, qual borboleta você anda escondendo dentro de você? Que tal, ao invés de ficar falando e esperando que todos aceitem, se adaptem, se transformem, você dar início a sua mudança? Vamos lá. Sempre você terá alguém do seu lado. Sempre!

Mudar não significa anular-se. Mudar significa melhorar! Deixe de criticar ou de se chatear com aquele que pega no seu pé. Que pede pra você melhorar em algo. No fundo, só aconselha ou corrige, aquele que quer o seu bem. O fato de uma pessoa aceitar calada ou conforma-se com seus erros, não significa que ela a ama mais que aquela que lhe "dá um toque". Pelo contrário. Pode ser que essa pessoa nem perceba, por ser igual a você ou nem liga se você pode ou não ser uma pessoa melhor.

Pense nisso! E pare de esconder a pessoa linda que existe dentro de você!

Complicado? Que nada, verdadeiramente simples e belo. Como uma borboleta!

Um comentário:

Grazi disse...

Se escode algo, é pq tem motivo. :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...