segunda-feira, 26 de janeiro de 2009

A vida é tão rara...

Mesmo quando tudo pede
Um pouco mais de calma
Até quando o corpo pede
Um pouco mais de alma
A vida não pára...
...Será que é tempo
Que lhe falta prá perceber?
Será que temos esse tempo
Prá perder?
E quem quer saber?
A vida é tão rara
Tão rara...

Estes são trechos de "Paciência", do pernambucano Lenine e de Dudu Falcão. Essa música é bem interessante, por várias razões. Tem um bela melodia e uma letra verdadeira.
...
Você já percebeu como todo mundo corre hoje em dia? Querendo tudo! Sempre.
...
E isso me faz me lembrar o "Pequeno Príncipe", num trecho fabuloso da narrativa:
...
Ele está na Terra há algum tempo, conhecendo os homens e suas esquisitices e duas situações lhe chamam a atenção. Uma delas são os trens que vão e vem, com pessoas apressadas, sem saberem o que buscam. Apenas as crianças estão com seus narizes amassados nos vidros, olhando a paisagem, as coisas que passam.
...
Outra situação é do vendedor que lhe oferece pílulas contra a sede. Já imaginou? Não precisar mais beber água? Quanto tempo ganhariamos com essa "modernidade"! Mais de 53 minutos por mês! E ele responde com sabedoria: "Se eu tivesse esse tempo pra gastar, andaria calmamente até uma fonte e beberia com alegria da sua água."
...
Ou seja, no primeiro caso, apenas as crianças compreendem que a graça da vida é a viagem e não necessariamente o destino e no segundo, descobrimos que o importante é aproveitarmos o nosso tempo com o que realmente vale a pena. Sentir prazer em fazer o que se está fazendo.
...
Seja qual for o seu problema. Seja qual for o seu momento atual. Aproveite a viagem. O percurso é tão importante quanto o destino final.
...
E claro que todos cobram eficiência, eficácia, coragem, equilibrio, profissionalismo, perfeccionismo e tantas qualidades chavões, que ecoam em empresas, familias, sociedades e até em grupo de trabalhos voluntários. Todos querem o seu melhor. Nada disso importa! Nada disso significa nada!
...
Como assim? Bem, simples. Tudo o que vive é o que realmente busca e quer? Você gostaria de ser o tempo todo, integral mesmo, perfeito? Atender as demandas de todos e as próprias? Pra quê, pra quem e por quê?
...
O que te impede de viver a própria vida? De finalmente correr atrás da sua "fonte d'água"?.
...
Como seria se você ao invés de ficar viajando apressado, nesse trem aí , que você escolheu, começasse a perceber a paisagem em volta? Principalmente, as pessoas em volta.
...
Como você se sentiria finalmente respeitando os seus limites? Sim você, os tem! Acredite!
...
Imagine-se considerando a importância do todo, pra você. O quanto as pessoas representam na sua vida.
...
Lembre-se do esforço feito pra conquistar o que já tem. E que somos apressados mesmo! Queremos viver um ano em um dia, como diria a minha querida Nô Stopa.
...
Relaxe e encare a vida de frente. Nenhum problema é tão grande e nenhuma alegria é eterna. Tudo é uma questão de abrirmos a mente e sorrir! Abrirmos a mente e acreditar!
...
Enquanto o tempo
Acelera e pede pressa
Eu me recuso faço hora
Vou na valsa
A vida é tão rara...
...
Se recuse também. Vá na valsa, ou no forró, ou no samba, ou no lugar que você adora ir pronto.
Espero que o dia de todos seja maravilhoso e as semanas sejam uma verdadeira aventura!
...
CARPE DIEM!

3 comentários:

disse...

Samuka, eu acho você um sábio... O que você escreve me encanta é incrível como você consegue expressar com palavras o que por exemplo, eu sinto e não consigo escrever.

Lindo!!!

Sonia disse...

TE AMO........
A VIDA É RARA....VAMOS APROVEITÁ-LA DA MELHOR MANEIRA....JUNTOS..UNIDOS..FELIZES...AMO VOCE

Paula Oliveira disse...

Vamos todos nessa Valsa linda que é a vida. É arte. Cada um no seu ritmo, todos na mesma direção.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...